SOS INFORMATICA
Senado Federal

Marcos Rogério diz que oposição tenta desestabilizar governo Bolsonaro

Em pronunciamento nesta quinta-feira (15), o senador Marcos Rogério (DEM-RO) disse que segmentos da sociedade, "insistentemente", buscam desestabil...

15/07/2021 17h05
Por: Redação
Fonte: Agência Senado
Reprodução TV Senado
Reprodução TV Senado

Em pronunciamento nesta quinta-feira (15), o senador Marcos Rogério (DEM-RO) disse que segmentos da sociedade, "insistentemente", buscam desestabilizar o governo de Jair Bolsonaro. Para o senador, por força da rejeição ao "jeito de ser" e ao "estilo de gestão "de Bolsonaro, parte da elite e da classe política, de grande parte da mídia e de integrantes de instituições e poderes torna-se defensora de um "sistema corrupto", derrotado nas urnas, em 2018, pelas 'pessoas de bem'.

— A questão não é meramente de ordem pessoal, ou seja, não está apenas em torno da pessoa do presidente Jair Bolsonaro, mas, mais do que isso, diz respeito às mudanças que seu governo representa para o país. A população brasileira está consciente de que não se trata de um homem perfeito, mas também não é ingênua para, por causa de seu estilo pessoal, rejeitar as mudanças positivas que imprimiu no governo e permitir que volte ao poder os que assaltaram a nação e envergonharam toda a sociedade — declarou.

Para Marcos Rogério, o Brasil, há dois anos e meio, experimenta uma "mudança extraordinária". Segundo o senador, não há comprovação de qualquer caso de corrupção envolvendo o governo federal. Ainda segundo ele, a oposição, na CPI da Pandemia, tenta atribuir ao Executivo ilegalidades em torno de um contrato de compra da vacina Covaxin, mas "nenhum centavo de real" sequer saiu dos cofres públicos.

— O Brasil deixou de se iludir com as embalagens que escondiam mentira e corrupção e preferiu apostar na transparência, valorizando mais o conteúdo — disse, referindo a Bolsonaro.

Nenhumcomentário
500 caracteres restantes.
Seu nome
Cidade e estado
E-mail
Comentar
* O conteúdo de cada comentário é de responsabilidade de quem realizá-lo. Nos reservamos ao direito de reprovar ou eliminar comentários em desacordo com o propósito do site ou com palavras ofensivas.
Mostrar mais comentários
Ele1 - Criar site de notícias