SOS INFORMATICA
Senado Federal

Congresso é iluminado de verde em alusão à Defensoria Pública e ao glaucoma

O Congresso Nacional será iluminado de verde a partir desta terça-feira (18) até sábado (22), em lembrança a duas datas: o Dia do Defensor Público,...

18/05/2021 17h45
Por: Redação
Fonte: Agência Senado
Em comemoração pelos dias do defensor público e de combate ao glaucoma, Congresso recebe iluminação especial - Roque de Sá/Agência Senado
Em comemoração pelos dias do defensor público e de combate ao glaucoma, Congresso recebe iluminação especial - Roque de Sá/Agência Senado

O Congresso Nacional será iluminado de verde a partir desta terça-feira (18) até sábado (22), em lembrança a duas datas: o Dia do Defensor Público, celebrado em 19 de maio, e o Dia Nacional de Combate ao Glaucoma, comemorado em 26 de maio.

A iluminação a respeito do Dia do Defensor Público será feita nesta terça e na quarta-feira (19). A data foi instituída em 9 de maio de 2002 pela Lei 10.448 e tinha outro nome no início: Dia Nacional da Defensoria Pública.

A solicitação foi da senadora Simone Tebet (MDB-MS) e da Associação dos Defensores Públicos do Distrito Federal (Adep-DF).

— A Defensoria é fundamental em um Estado democrático de direito, tendo em vista a função de prestar assistência jurídica à população vulnerável. Essa data é um reconhecimento do nosso trabalho de excelência. Somos uma das instituições mais bem avaliadas do país pelo público e, entre os órgãos do sistema de Justiça, a mais próxima da população, certamente — afirma o presidente da Adep-DF, Pablo Leite Kraft.

Glaucoma

De quinta-feira (20) a sábado (22), a luz verde diz respeito ao Dia Nacional de Combate ao Glaucoma, doença que acomete os olhos e é provocada pela elevação da pressão ocular. De acordo com o Ministério da Saúde, cerca de 2% da população brasileira é atingida por essa enfermidade. Pessoas com mais de 40 anos, com alto grau de miopia e diabetes costumam ser mais suscetíveis. A pasta também informa que, por ser uma condição crônica e incurável, apenas consultas oftalmológicas rotineiras podem permitir ao médico identificar o problema com antecedência e iniciar um tratamento que evita o agravamento. A solicitação para a iluminação especial foi do Conselho Brasileiro de Oftalmologia.

Nenhumcomentário
500 caracteres restantes.
Seu nome
Cidade e estado
E-mail
Comentar
* O conteúdo de cada comentário é de responsabilidade de quem realizá-lo. Nos reservamos ao direito de reprovar ou eliminar comentários em desacordo com o propósito do site ou com palavras ofensivas.
Mostrar mais comentários
Ele1 - Criar site de notícias