Diretório do MDB de Rio Brilhante se reúne e confirma que o ex-prefeito Foroni é o nome do partido para 2020 - Rio Brilhante News - Notícias de Rio Brilhante MS e Região

22º min
32º max

  • Coberturas31


Rio Brilhante - MS, quinta-feira, 20 de junho de 2019

Diretório do MDB de Rio Brilhante se reúne e confirma que o ex-prefeito Foroni é o nome do partido para 2020

Nomes de Paulo Cuel e Hedi Cuel são cogitados para vice de Foroni

Publicado em: 04/04/2019 às 11h00

Da Redação

Nesta última terça-feira - 02/04/2019, as 19h, sob a presidência do ex-prefeito Sidney Foroni, o Diretório Municipal do MDB de Rio Brilhante se reuniu para tratar de diversos assuntos internos do Partido, oportunidade em que foram apresentados diversos nomes de pessoas que recentemente foram filiadas com o intuito de serem candidatos a vereador nas próximas eleições e discutidos diversos assuntos de interesse partidário.

A reunião contou com a presença de 29, dos 35 membros do Diretório do MDB, tendo sido discutido e aprovado por unanimidade que o MDB terá candidatura própria a prefeito de Rio Brilhante e lançará uma chapa completa de vereadores, e ira dialogar com todos os representantes de partidos políticos locais visando a formação de uma grande aliança rumo às próximas eleições, e o termômetro será sempre as pesquisas de opinião pública.

Com isso, o MDB praticamente deu carta branca ao ex-prefeito Sidney Foroni para pavimentar o caminho de volta à prefeitura de Rio Brilhante e iniciar as discussões sobre futuras coligações na chapa majoritária para a escolha do candidato a vice prefeito, tendo sido ventilado diversos nomes, mas essa escolha, segundo Foroni, será feita no momento oportuno, e será feita através de uma ampla e democrática discussão entre todos os partidos que estiverem aliados, sem restrições.

Segundo fontes confiáveis, não foi descartada a possibilidade do MDB sair com chapa pura, onde teria como vice de FORONI outro Emedebista,  dentre os quais se destacam como potenciais nomes, a ex-vereadora Belinha, a ex-primeira dama Hedi Gelain Cuel, o Agropecuarista e ex-vereador Armando Leonel, o empresário e agricultor Omar Hammes e os vereadores João Pedro Alves e Professor Furlan, todos filiados ao MDB.

Ouvido pela reportagem do Riobrilhantenews, o ex-prefeito Sidney Foroni disse que “está a disposição do MDB para o enfrentamento das eleições 2020, e disse também que não tem preocupações com outras candidaturas a prefeito, pois as considera legítimas e importantes para a sociedade e para o processo eleitoral, pois os eleitores terão mais opções de escolha.”

Foroni  assegurou também “que novamente fará uma campanha voltada para o debate no campo das ideias, uma campanha de propostas para a nossa cidade, e fará como sempre fez, ou seja, uma campanha de amigos e de pessoas que pensam como ele e no bem da nossa cidade e da nossa gente, fará uma campanha sem ostentação, sem comprar a consciência de ninguém através de vantagens pessoais, pois acredita que as pessoas de bem não serão movidas pela velha política onde imperava o poder econômico, os acordos espúrios por cargos públicos e os benefícios individuais, pois continua acreditando que este é o caminho para mudarmos o Brasil, pois nunca aprovou, nem  praticou  “a velha política”,  e afirma que esta sempre foi a sua forma de pensar e de fazer política, e que é exatamente por isto que tem o respeito e a confiança da sociedade e da classe política .”

Nos bastidores políticos, vários nomes são cogitados para compor a chapa majoritária com o MDB na cabeça, onde o ex-prefeito Foroni sairia a prefeito, e dentre os nomes cogitados estão o nome do ex-vice prefeito Wanderlei Barbosa, do  ex-prefeito Paulo Cuel ou sua esposa, Hedi Cuel, do Vice prefeito Márcio Belone, que estaria de saída  do PSDB, do Presidente da Câmara vereador NO - DEM, da Vereadora Juraci-PSC, da Dra. Caroline Fracasso-PSL e até do empresário Marcos Alves de Lima, o Marcos da Floraí.

Questionado pela reportagem do Rio-brilhantenses sobre os nomes que correm nos bastidores, o ex-prefeito Sidney Foroni se esquivou e disse “que todos são nomes de respeito e com grande potencial político, e todos seriam bem vindos em uma dobradinha com o MDB, mas essa escolha só deverá ocorrer no momento oportuno em 2020, ouvindo todos partidos interessados e especialmente as pessoas citadas, pois, antes de mais nada, essas pessoas precisam ser ouvidas demonstrar esse interesse”.